O primeiro filme…

… que vi no cinema foi o Jurassic Park, no seu dia de estreia. Agora que já lá vão 22 anos, e está aí em exibição uma nova sequela, achei que seria uma boa altura para escrever estas linhas sobre aquelas memórias que recordo tão bem.

Antes de iniciar, fica só o apontamento que apesar do JP ter sido o primeiro filme que vi no cinema, antes disso numa sala aqui da terra que servia para vários fins de entertenimento, vi alguns filmes como por exemplo o 101 Dálmatas, mas isso não conta como experiência de cinema a sério 😛

Se a memória não me falha, foi só em Outubro de 1993 que o filme estreou cá por terras lusas. Apesar de nesta altura do campeonato não ser necessário introduzir esta obra pois todos já devem conhecer a história, se não conhecem vejam o filme ou leiam o livro sff, deixo um breve resumo.

Conta o Michael que um milionário (John Hammond), compra uma ilha perto da Costa Rica, com o intuíto de criar um parque temático. A diferença é que este parque não tem bonecos nem actores, mas sim dinossauros reais que foram criados genéticamente através do ADN preservado em âmbar, cruzado com ADN de sapos.
Antes que o parque possa ser aberto ao público, os investidores querem que um grupo de especialistas verifiquem o local e dêm a sua aprovação que este é seguro. É aqui que entram Sam Neill, Laura Dern e Jeff Goldblum para a visita ao parque, deste as instalações, laboratórios até aos espaços exteriores onde os perigos espreitam. Com a chegada imprevista de uma tempestade tropical somada ao descontentamento de alguém que não estava satisfeito com o salário, all hell breaks loose!

O filme passa-se todo num ambiente carregado de tensão que vai aumentando à medida que a bicharada começa a andar à solta. Também a adrenalina é servida em doses q.b. e apesar do filme não caminhar para novo, continua capaz de pregar sustos aos mais desprevenidos.
E mais não digo… vejam o filme! 🙂

No tempo em que os filmes ainda estreavam à sexta feira, lembro-me bem da ânsia com que passei aquele dia de aulas no secundário, a contar os minutos para no fim do dia ir a correr para a bilheteira e assegurar o meu lugar no paraíso. Mas… qual não é o meu espanto quando chego ao local e vejo uma fila com uns bons 50mts de malta para comprar bilhetes. Naquele momento comecei a fazer contas à vida. Desconhecendo a capacidade da sala, pois nunca lá tinha entrado, e a partir de certo momento a fila começou a andar demasiado depressa, acabei por desanimar a pensar que já havia esgotado.
Quando chegou a minha vez, constatei que a fila começou a andar mais depressa pois abriram mais 3 bilheteiras. Ufa!!!! Ainda consegui comprar os bilhetes!

Escusado será dizer que à conta disto acabei por perder o autocarro do costume para casa e tive que ficar mais duas horas à espera do próximo. Mas nada disso importava. Aquelhes bilhetes que segurava nas mãos, naquela altura valiam tanto para mim como se fosse o boletim do totoloto com a chave vencedora!

Bem… após ter engolido o jantar, enquanto de certeza que mantia os bilhetes debaixo de olho, lá apareceu o meu tio para ir comigo ao cinema. Quando entrei na sala… WOW! Isto é bem grande!

Mesmo espaço, mas com nova imagem

Lá nos sentámos nos lugares marcados, provávelmente devemos ter visto alguns trailers de filmes a estrear (já não tenho a certeza). E o filme começou.
Logo na primeira cena em que estão a  fazer o transporte de um raptor para a cerca, delirei com toda a experiência. A sala à pinha mas em completo silêncio, aquele ecrã enorme bem maior que a televisão ITT lá de casa, e o som. Bem, o som…. nunca tinha tido contacto com dolby’s, dts’s, thx’s e afins e fiquei pasmado a ouvir o som das ramos das árvores a mecher do meu lado direito e a maquinaria a trabalhar como se estivesse atrás de mim (acho que ainda me virei uma ou duas vezes para trás). agora estas tecnologisa já são acessíveis e qualquer um pode ter uma experiência de cinema em casa, mas, numa altura em que provávelmente alguns dos que estão a ler estas linhas nem eram nascidos, foi uma coisa absolutamente fantástica! Para não falar nas obras de arte produzidas em CGI, que até então não tinha visto nada comparável.

Do filme ficaram-me várias cenas marcantes na memória como o primeiro grunhido do raptor, a vibração da água no copo com os passos do T-Rex, a lata com os embriões (sempre pensei que esta fosse a deixa para o segundo filme) e a banda sonora, em especial o tema utilizado nos créditos.

Devo também dizer que após ver o filme fiquei um pouco obsecado pelo filme e dinossauros em geral. Comecei a comprar livros sobre esta temática (ainda não havia internet nem bbs’s lá em casa) em especial o que deu origem ao filme, do Michael Crichton. Por falar nisso, deveria ter sido o Peter Jackson a realizar o filme. Com a quantidade de cenas do livro que não apareceram no filme (começando pela introdução), aquilo dava bem á vontade mais umas duas horas de película.

A última compra que me lembro de ter feito foi a cassete VHS, edição de coleccionador, em formato de fóssil que comprei no Círculo de Leitores. Como na altura não havia acesso a bandas sonoras de filmes, lá tive que engenhar uma forma de ligar um gravador de audio ao vídeo para assim gravar a  música dos créditos.

E assim partilhei mais uma memória dos (meus) bons tempos. É certo que este testamento não deve interessar a ninguém, mas sabe-me bem recordar!

Por último deixo-vos aqui o trailer oficial. Agora vou-me, que hoje é sexta e está na hora de ir comprar os bilhetes para o Jurassic World ^^

 

Intéh!

Advertisements

Posted on June 12, 2015, in Filmes, Memórias. Bookmark the permalink. 7 Comments.

  1. Tinha 12 anos quando o fui ver ao defunto cinema cá da parvónia ( agora é um pavilhão multiusos…seja lá o que isso for…).Na altura eu era um desses “tolinhos” dos dinossauros (ainda tenho para aqui um monte de enciclopédias sobre essa bicharada toda)…não me farto de os ver…e este ultimo não vai escapar…para não quebrar ciclo 🙂

  2. Olha que tás enganado em relação a ninguém ter interesse nesse testamento…para nós “Fosséis”(mas não extintos…) isso é interessante :)…continua a mandar cá para fora essas memórias…

  3. Obrigado!

    Ontém acabei por ir ver o Jurassic World e ía com algumas expectativas… mas não me desiludiu! Mantém todo o o clima intenso de tensão que caracterizou o primeiro título e não há partes “mortas”.

    Pensei também que com os avanços da tecnologia tendessem em utilizar efeitos em demasia, mas muito pelo contrário. Têm o suficiente sem exageros.

    Aconselho!! 😉

  4. Já fiquei mais descansado 🙂 …também não gosto muito quando um suposto resurgir de uma franquia cinematográfica acaba por ser a nódoa nesta mesma… aos outros tres não faltei… tambem não será neste 😉

  5. ToZe(Ex-Touareg)

    Tanta letra …

    Não tinha visto isto nos feeds.

    Vi em VHS uns tempos valentes depois da estreia mas … sinceramente não foi coisa que me tivesse atraído, não desgustando … deu início à mania dos dinossauros. Vi o segundo com o mesmo (ahem) interesse do primeiro, e o terceiro lembro-me de ver mais tarde sendo que há uns meses comentava com amigos que nem me lembrava dele ou de o ter visto …

    O novo … um destes dias … vi um trailer antecipado… e achei demasiada CGI e demasiado cru para o meu gosto … mas ainda bem que nem todos gostamos do mesmo 😉

    • Olha que o novo não tem demasiada CGi… tem q.b. para o que se pretende. Ou querias que fizessem a bicharada com marionetes?

      A não ser que estejas a comparar a quantidade de CGI com um filme de Manoel de Oliveira 😛

  6. ToZe(Ex-Touareg)

    As reviews têm sido boas e consensuais, portanto sou eu que lhe reajo com um …. “ehhhm” de interesse reduzido (para já). Prefiro um bom thriller … no entanto há poucos bons a sair … Hollywood só vê sequelas …os filmes B são por norma chatos ou maus. daí que um dos melhores filmes que vi nos ultimos dois anos, foi um par de jogos … Bioshock 1 & 2 … ainda me falta atacar o terceiro …o final do segundo é brutal 😉

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Old School Game Blog

Amiga enthusiasm, retro gaming passion

Mr Oliver.

Gaming, Music & Movies

Stuart Williams' MICRO MUSINGS

ramblings of a home computer hack

Retro Computing News

computer history, retro gaming and computing today

ancientelectronics

retro computing and gaming plus a little more

inmiracleworld

Ressuscitando o passado...

The Perfect Bit

O diário de um nerd (muito pouco) anónimo

BPMS Tutorials

Tutorials on the Best BPMS out there!!

Ainda sou do tempo

Ressuscitando o passado...

SHUGAMES !

Ressuscitando o passado...

Indie Retro News

Ressuscitando o passado...

Recuerdos de 8 Bits

Ressuscitando o passado...

Retroinvaders

Ressuscitando o passado...

Os Invasores

Ressuscitando o passado...

Arkade

Jogos, Tecnologia, Cultura e Revista Online de Games

GreenHillsZone

Colecção de videojogos - alguns "rants" e análises

Revista Digital de Videojogos PUSHSTART

A vossa revista digital de videojogos

oldgamesftw.wordpress.com/

Vencendo com games clássicos e atuais!

Gamer Caduco

Histórias de um gamer que está cada vez mais próximo de caducar de vez.

O Cantinho de Bia Chun Li

Ressuscitando o passado...

Sega-16

Ressuscitando o passado...

08tohkun

Ressuscitando o passado...

Santa Nostalgia

Ressuscitando o passado...

Infoconsolas

Ressuscitando o passado...

.::RetroPTgameR::.

Ressuscitando o passado...

Índios e Cowboys

Ressuscitando o passado...

QG Master

Ressuscitando o passado...

Vintage Computing and Gaming

Ressuscitando o passado...

Retro Video Gaming

Atari, Sega, Nintendo & Famicom reviews, videos, cover art and more!

Retro Games Collector

Ressuscitando o passado...

Retro Games Revival

Ressuscitando o passado...

ComuDoMega 13.8

Um Blog sobre o Mega e muito mais...

Game Over

Ressuscitando o passado...

elretroconsolero

Ressuscitando o passado...

Retro Megabit

Sharing My Retro Video Game Collection.

The Retroist

Retro Blog and Podcast

%d bloggers like this: